.

Acessibilidade

Aumentar Fonte
.
Diminuir Fonte
.
Fonte Normal
.
Alto Contraste
.
Libras
.
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Mapa do Site
.
Acesso à informação
.

De Segunda-Feira a Sexta-Feira das 7:45 às 11:45 e das 13:00 às 17:00 Horas

Educação - Terça-feira, 30 de Maio de 2023

Buscar Notícia

Notícias por Categoria

Cooperativa Escolar de Cerro Branco volta à ativa

Após três anos de suspensão, Projeto Jovens Marceneiros é reativado nesta segunda (29) envolvendo 48 alunos de escolas municipais com atividades de integração. Unidade é considerada modelo na região Centro-Serra; saiba como participar


Cooperativa Escolar de Cerro Branco volta à ativa

Esta segunda-feira (29) marcou um momento histórico para a Educação de Cerro Branco, em especial para as crianças e adolescentes que buscam uma oportunidade de desenvolver-se pessoal e profissionalmente no turno inverso ao das aulas. 

 

A Cooperativa Escolar Projeto Jovens Marceneiros (COOEJOMA) foi reinaugurada em um momento de celebração no Centro de Múltiplo Uso Darci Preussler, que contou com atividades de integração com 48 alunos de três escolas municipais (EMEBs Augusto Schultz, Carlos Müller e David Unfer). Com as atividades suspensas desde 2020 devido à pandemia, a Cooperativa Escolar voltará a atender alunos de 5° ao 9° ano junto ao prédio da Padaria Comunitária, no bairro Rio Branco. 

 

O ato inaugural contou com a presença do prefeito Edson Lawall, da primeira-dama e secretária de Educação, Stela Lawall, da assessora pedagógica da Coopere - Formação Cooperativa, Elisangela Oliveira Lopes, da coordenadora pedagógica Diênifer Züge e dos professores instrutores Vanesa Davila Anneter e Diego Sauer. 

 

Na sequência, o grupo se dirigiu até o Berçário Industrial do município para conhecer equipamentos e práticas de trabalho manual, que envolvem a confecção de peças e materiais de decoração à base de marcenaria, artesanato e pintura. 

 

Cursos disponíveis

 

A cooperativa Escolar oferece cursos de formação de marcenaria, oratória, empreendedorismo, marketing, liderança e outros áreas. As oficinas ocorrem nas terças-feiras em turno integral e nas quartas-feiras no turno da manhã. 

 

Essa é uma iniciativa social do Sicredi apoiada pelo Programa A União Faz a Vida, e conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Cerro Branco.

 

Cooperativa modelo

 

A assessora pedagógica Elisangela Lopes esclarece que as cooperativas escolares são espaços de aprendizagem, onde crianças e jovens se unem, voluntariamente, para fundar uma cooperativa. Desta forma, elas conhecem o modelo de negócios cooperativo, através da vivência dos valores e princípios do cooperativismo. 

 

“Nas cooperativas escolares, os estudantes são os protagonistas do aprendizado, que acontece com o envolvimento da comunidade escolar, onde todas as ações são oportunidades de aprendizado e os temas do currículo escolar estão presentes”, salienta ela, que destacou a Cooperativa de Cerro Branco como modelo na região por agregar a participação mútua de três escolas.

Histórico

 

A cooperativa Jovens Marceneiros iniciou suas atividades em 2006 e visa estimular a vivência de valores cooperativos entre professores, alunos, pais e comunidade, envolvendo-os nas práticas pedagógicas desenvolvidas em sala de aula e nas atividades realizadas pelos alunos. 

 

A iniciativa tem o intuito de desenvolver o senso de solidariedade, a participação democrática e o respeito às decisões coletivas, “bem como servir de base para a formação de futuros líderes cooperativistas da comunidade, explorando o empreendedorismo e o protagonismo dos educandos”, explica a secretária da Educação, Stela Lawall.

 

Segundo a titular da Educação, a Cooperativa Escolar de Cerro Branco foi inspirada no modelo do município de Encantado, e nasceu junto com a Cooperativa de Arroio do Tigre, sendo uma das pioneiras na região Centro-Serra. “A iniciativa desperta nos jovens os princípios da cidadania, liderança e empreendedorismo, incentivando-os a serem protagonistas e sócios de seus negócios. É uma entidade sólida e bem estruturada, onde os participantes conduzem todas as atividades, contando com diretoria, conta bancária e CNPJ próprio”, acrescenta ela.

 

Entre os principais objetivos da Cooperativa Escolar, estão:

 

. Favorecer o conhecimento da arte manual, despertando a concentração, os estímulos e a coordenação, elencando possíveis melhoras na aprendizagem;
. Desenvolver as capacidades de integrar valores e os princípios de cooperação;
. Integrar alunos (jovens) dos diferentes educandários, das diferentes comunidades do município, possibilitando, ainda, a troca de conhecimentos;
. Possibilitar um espaço de encontro e ocupação para os jovens que possam estar em situação de vulnerabilidade social;
. Fomentar o trabalho realizado na oficina como sendo uma hipótese de renda alternativa, no futuro dos jovens;
. Preparar o aluno para o trabalho em equipe com postura e integridade, nas empresas de marcenaria da região.

 

Princípios do Cooperativismo

 

1) Adesão Livre e Voluntária;
2) Gestão Democrática;
3) Participação econômica dos membros;
4) Autonomia e Independência;
5) Educação, Formação e Informação;
6) Inter cooperação;
7) Interesse pela comunidade.

 

Assista a um trecho do ato inaugural da Cooperativa Escolar de Cerro Branco. Com a fala, a secretária de Educação, Stela Lawall e a assessora pedagógica da Coopere, Elisangela Lopes.

 

Texto e fotos: Gabriel Rodrigues
Edição: Assessoria de Gabinete

1132 Visualizações

Notícias relacionadas

Voltar para a listagem de notícias

.
.

Calendário de eventos

.
.

Acompanhe-nos

.
.

Prefeitura Municipal de Cerro Branco - RS.
Usamos cookies para melhorar a sua navegação. Ao continuar você concorda com nossa Política de Cookies e Políticas de Privacidade.